© FEMODA/MT Todos os direitos reservados. 

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

Feira antecipa tendências da próxima estação para lojistas de Mato Grosso

17.06.2019

 

 

As expectativas de aquecimento nas vendas são positivas para este segundo semestre de 2019. Novos produtos e tendências da coleção Primavera-Verão prometem encher de cores e estampas as vitrines das lojas em todo o Mato Grosso – é o que promete a 8ª edição da Femoda-MT, feira de moda, calçados e acessórios, que acontece entre os dias 02 e 04 de agosto, no Cenarium Rural.

 

“A Femoda é a oportunidade dos lojistas de todo o estado adquirirem as novidades do mercado, com preços diferenciados e garantirem seu estoque com antecedência. Quando eles vêm para a feira, são atendidos por diversas marcas num mesmo espaço – dando mais agilidade na negociação e aquisição dos produtos. Mato Grosso é muito grande, então, após a Femoda, os fornecedores levarão cerca de 30 e 45 dias para apresentarem essa coleção aos clientes que não vieram à feira”, explica o vice-presidente da Femoda, João Carlos Gasparetto.

 

A expectativa da 8ª Femoda é que as vendas superem as da edição anterior, realizada em janeiro, em 5%. Segundo Gasparetto, a tendência para a próxima estação se mantém em peças animal print, florais, pedrarias e néon.

 

 

Lojistas de todo o estado já se preparam para atualizar o estoque, antes mesmo da concorrência, como é o caso das Lojas Moda Verão – participante assíduo da Femoda-MT. “Nossas expectativas são sempre positivas. A feira vem crescendo ano após ano, tanto na quantidade de expositores quanto na qualidade dos produtos, local e conforto. Tudo isso proporciona a experiência de compra e negócios muito mais prazerosa”, afirmou o diretor de compras, Junior Vidotti.

 

O lojista reforçou ainda que a oportunidade em poder conferir as novidades e tendências, além de adquirir os produtos com preços diferenciados, fortalece o comercio local. “Além disso, a Femoda é uma iniciativa que proporciona a união entre fornecedores e lojistas. Nós precisamos dessa união para atender as demandas do mercado e mantê-lo em movimento”, disse.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload